Destaques

Honraria encerra Semana da Mulher na Câmara

Vereadores fizeram a entrega da medalha Mulher de Valor a portobelanas de destaque

Alcides Mafra/Assessoria Câmara PB

09 de março de 2020

Após três dias de conversas sérias sobre temas urgentes relacionados ao espaço da mulher na sociedade (violência de gênero, empoderamento, papel feminino na política), a Câmara de Vereadores deu lugar à leveza no encerramento de sua participação na Semana Municipal da Mulher. Em clima solene, porém festivo, o parlamento fez a entrega da honraria Mulher de Valor 2020.

Foi a segunda vez que o Legislativo realizou a homenagem, criada em 2018 através de uma alteração na Lei Municipal 1.687, que instituiu a Semana da Mulher de Porto Belo. Na primeira oportunidade, em 2019, o Palco das Artes foi o local escolhido para a solenidade. Este ano, o parlamento sediou a sessão, o que não tirou o brilho do evento. Com casa cheia e a presença do prefeito Emerson Stein (MDB), do vice Elias Cabral (PL) e condução da presidente da Fundação Municipal de Cultura, Cristiani de Jesus, a Câmara entregou medalhas comemorativas a dez mulheres escolhidas pelos vereadores em função de suas trajetórias no município.

No grupo das indicadas havia lideranças religiosas e comunitárias, representantes do magistério, empresárias e até uma delegada de polícia ocasional (dona Lourdete Régis, escrevente aposentada que certa ocasião tirou férias do titular da delegacia, homenageada por Silvana Stadler, do PTB). O principal traço comum da maioria é que Porto Belo surgiu em suas vidas como segundo lar. Nativa mesmo, somente a ex-secretária municipal de Educação Zenete Amaral, indicação de Altino Júnior (PSD).

As demais foram: Sara Pires Agostinho (pelo emedebista Célio Ramos), Zilda Trocoletti Livi (Jonatha Cabral, PT), Vânia Dias (Rosaura Rodrigues, também petista), Erodi Silva da Rosa (“Kiko Scottini, Progressistas), Viviane Bértemes da Silva (Diogo Santos, do MDB), Gizele Lima Bernardes (do também emedebista Jonas Raulino), Nara Amâncio Brito (Joel Lucinda, PTB) e Estela dos Santos Neri (Bento Voltolini, do Cidadania).

Para Diogo Santos, foi um recorte bastante representativo da presença feminina em vários setores da sociedade local. Ao encerrar a sessão, o presidente da Câmara destacou essa presença também no âmbito do próprio Legislativo, ao elogiar o trabalho de suas colegas de plenário Rosaura Rodrigues (PT) e Silvana Stadler (PTB) e ao desejar que, nas próximas legislaturas, “possamos ter mais rosauras e silvanas”.

“É clichê dizer que todos os dias pertencem às mulheres, mas a gente tem que fazer um dia especial”, discursou Elias Cabral, destacando que o maior presente que a municipalidade poderia oferecer a todas as mulheres é “respeito, dignidade e valorização”.

Emerson Stein, por sua vez, lembrou que as mulheres já ocupam posições de destaque na cidade, citando sua presença no Fórum da Comarca, na Delegacia de Polícia, na própria Câmara e nas secretarias e diretorias de sua administração: “Setenta por cento são mulheres. Isso, na região, é um diferencial”, considerou.

Para as homenageadas da noite, o sentimento foi de gratidão: “Foi uma honra ser homenageada”, disse Viviane Bértemes da Silva, 45 anos de idade. A empresária natural de Campo Grande (MS), desde os sete anos se dividindo entre Itapema e Porto Belo, acredita ainda que a honraria é um incentivo e uma forma de elevar a autoestima das escolhidas.

Estela dos Santos Neri concorda. A missionária evangélica nascida em Itajaí, há 21 anos na cidade, sentiu-se privilegiada em figurar entre as dez “mulheres de valor” e diz ter vivenciado momentos de muita emoção, em uma sessão marcada pelo aplauso de familiares, flores e muitas fotos para recordar: “Foi uma noite incrível”, resumiu.

SEMANA MUNICIPAL DA MULHER

Instituída pela Lei Municipal 1687/09, a Semana Municipal da Mulher consiste de uma série de ações realizadas pelo poder público visando a promoção social e o bem-estar feminino, tendo como referência o Dia Internacional da Mulher (8 de março).

Este ano, sua realização contou com a participação ativa da Procuradoria Especial da Mulher da Câmara de Vereadores. De acordo com a procuradora especial e vereadora Silvana Stadler (PTB), trata-se de um evento costurado a muitas mãos, com contribuições efetivas das secretarias municipais de Assistência Social, Saúde, Educação, Cultura e Esporte, Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Mesa Diretora da Câmara e Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

A Semana da Mulher trouxe à sede do Legislativo uma fala na tribuna de Tati Henning, da Rede de Apoio D’Las, uma palestra sobre violência doméstica com a advogada Tammy Fortunato, presidente da Comissão de Combate às Violências Contra a Mulher do Instituto dos Advogados de Santa Catarina (IASC), uma mesa-redonda sobre participação feminina na política com a deputada Ada de Luca, a suplente de deputada Dirce Heiderscheidt e a professora e doutora Elizete Lanzoni Alves, diretora executiva da Academia Catarinense de Letras Jurídicas.

No dia 15 de março, encerrando a Semana, ocorre o evento Som&Sol Especial da Mulher na Praça da Bandeira, no Centro, contando com apresentações artísticas, feira de artesanato e ações de promoção social desenvolvidas pela municipalidade, através de suas secretarias, Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e Procuradoria Especial da Mulher.

COMPARTILHE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Deputada indica repasse para Porto Belo

VER MAIS

Voz do Legislativo - episódio especial coronavírus (03.04.2020)

VER MAIS